segunda-feira, 2 de dezembro de 2013

Uma passagem na Torre Londrina

Novamente pela faculdade, tive a oportunidade de visitar a Torre de Controle do Aeroporto Governador José Richa. Desta vez, para a minha grata surpresa, pude registrar a passagem do Azul e Verde, Embraer E-195 da Azul Linhas Aéreas Brasileiras em prol da sustentabilidade. Desta vez, ao contrário do que foi escrito na última postagem vou tentar não me ater nos textos, mas sim nas imagens.

Ao que foi informado, a nova sala de controle do APP Londrina, será construída a partir de 2014, sendo que durante o segundo semestre ela se encontre 100% funcional. Por hora, as imagens do Radar de Navegação Aérea estão disponíveis apenas no Centro Curitiba. É previsto para daqui dez dias (dia 12/12/2013) a entrada de funcionamento das novas cartas de Aproximação por RNAV, tornando a aproximação por instrumentos mais eficaz e segura.

Para o começo do ano que vem está previsto o cercamento da face Sul do aeroporto. A empresa já foi licitada pela INFRAERO e aguarda apenas, a doação dos terrenos pela prefeitura. Uma escola e o Tiro de Guerra, por hora não foram realocados, tornando o prosseguimento das melhorias no Aeroporto de Londrina mais lentas.

"100% Azul"
Iniciando o push-back
PR-AQE autorizado alinhar e decolar
ATR 72-600 iniciando a decolagem
Aero Boero 115 do Aeroclube de Londrina
E-195 chegando ao pátio
Embraer "Azul e Verde"
Pronto para o push-back e acionamento
E-195 "encarando" o Boerão!
A320 na curtíssima final
Próximo a pista, cabeceira 13
Realizando o flare (diminuindo a razão de descida)
PR-MHX já finalizando o embarque
Visão do centro de Londrina a partir da Torre de Controle
Aero Boero realizando treinamento de toque e arremetida
Radar de Navegação já operante
AB115 PP-FGM em direção ao Aeroclube, na escuta até o  corte
A320 à espera da autorização do plano de voo
Aero Boero cruzando o pátio principal

7 comentários:

  1. Parabéns pelas fotos Adriano. Continue assim, muito informativo e ilustrativo. Abraços.

    ResponderExcluir
  2. Pode visitar a torre, sem ser do aeroclube?
    Belas fotos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Negativo. Até onde eu sei só é liberada a visitação por fins de estudos, tendo que o pedido ser protocolado junto a Infraero. Não fiz pelo Aeroclube, mas sim pela universidade.

      Att,

      Excluir
    2. obrigado, Infraero cada vez mais lixo! '-'

      Excluir
  3. Pelo contrario. Ali não é local de visitantes. É local de trabalho e, trabalho de segurança aérea. Parabéns a INFRAERO pelo procedimento de contenção. É para o bem de todos, inclusive o seu e o meu. Tem meu apoio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, a visitação à torre é algo complicado. Se for feito para fins estudantis, ok. Mas ir lá apenas para ver como é, demanda deslocamento do pessoal da Infraero que deixaria de trabalhar para ficar nos auxiliando.

      Isso sem contar que em horários de pico, os controladores tem de estar com a atenção 100% voltada ao trabalho, além é claro, em épocas, a Torre Londrina recebe estagiários para realizarem treinamentos e avaliações. Então o meio interferiria e muito no trabalho deles.

      Att,

      Excluir